domingo, 10 de outubro de 2010

Mãe



4 comentários:

Labrosca disse...

Se a tua mãe ainda é viva, larga tudo.
Corre até junto dela, não precisas de dizer nada.
Dá-lhe apenas um beijo.
Ela compreender-te-á.

Marial disse...

Que comentário lindo...
Como em tão poucas palavras se pode dizer tanto.
Arrepiei-me ao ler!!!...

Hagarra disse...

Já não tenho a minha mãe, infelizmente, mas resta-me a felicidade de ter "corrido até junto dela" e lhe ter dado "apenas um beijo".
Labrosca, fizeste-nos parar e pensar...

Óscar disse...

É nestes pormenores que se define a qualidade das pessoas.